domingo, 13 de julho de 2008

Equívoco 2

Sabe, comemorar aniversário é uma ritual sagrado, povo. Deve ser uma coisinha em ambiente preparadinho, com amiguinhos a volta de uma mesa, papinho agradável rolando solto, musiquinha ambiente ao fundo e bolinho no fim da reuniãozinha despretensiosa. Tudo assim no inho e inha. Agora, cantar "Parabéns" na balada é muito o erro. Em seguida, cortar o bolo no fim da noite é uma coisa muito ultra o erro também. Atravessar a pista de dança com pratinho de bolo na mão é mais o erro ainda. Gentê, nesse momento, abram espaço, chamem os paramédicos, preparem a mesa do operatório. É caso de neurocirurgia, com pós-operatório em coma na UTI. Ai, o cantho.

Um comentário:

Thiago disse...

Não perdi nada. Ou perdi tudo?