quarta-feira, 12 de março de 2008

Presença

Esta noite tive um pesadelo de dor e angústia e, ao acordar, eu chorei. Suicídio, flores, velório atordoaram meu consciente e minha realidade. Gostaria de nunca mais viver essas sensações. Em sonho, eu as senti e tudo foi terrível. Meu amigo, prometa-me que nunca cometerá algo semelhante. Confesso que não resistiria ao trauma. Tenho dificuldade para lidar com a ausência e, por isso, por enquanto, não posso perder. Permaneça em plenitude, por favor.

Nenhum comentário: